CESVI Brasil - Centro de Experimentação e Segurança Viária

Entrevista - Ignacio Juárez

Gerente do Cesvimap explica a relação entre a MAPFRE e os estudos automotivos que a companhia promove por meio de seus centros de pesquisa.

14/12/2016
Muitos clientes, usuários, profissionais e proprietários de veículos que se beneficiam dos estudos do CESVI BRASIL ignoram sua origem – e o grupo do qual faz parte. O centro de pesquisa integra o Grupo MAPFRE, um player do mercado de seguros que tem sua atuação marcada pelo conceito de “mutualidade”. Trata-se de uma filosofia segundo a qual, por exemplo, se o setor de seguros como um todo cresce e evolui por conta de um novo conhecimento gerado, a seguradora que gerou esse conhecimento só tem a ganhar. Porque um mercado fortalecido é bom para todos.

Esse tipo de pensamento está por trás da criação do CESVI BRASIL – e é também a razão de muita gente não saber que o centro de pesquisa é uma empresa do Grupo MAPFRE.

Isso porque o CESVI presta serviço às demais seguradoras do mercado, produz conhecimento que é compartilhado com todos, não só com a MAPFRE – e é uma referência de independência e imparcialidade em suas atividades. 

Para deixar essa associação absolutamente transparente, a Revista CESVI entrevistou o espanhol Ignacio Juárez, gerente do primeiro “CESVI” do mundo: o CESVIMAP, da Espanha. Juárez, que também atuou na consolidação do centro de pesquisa brasileiro, duas décadas atrás, explica nesta matéria a relação da seguradora com essa prática de estudos automotivos, as diferenças de contexto entre o trabalho desenvolvido na Europa e na América Latina, além dos novos desafios que a evolução da tecnologia está trazendo aos pesquisadores do mundo todo.

Confira aqui a entrevista na íntegra.

Voltar